Publicidade

Assine o HoraHAnuncie no HoraH


Núcleo da Reforma Luterana

Bruno

27/10/2016 às 16:27h

O que é ser um cristão luterano? Esta reflexão é apropriada nestes 499 anos da Reforma Luterana. Martinho Lutero, em 31 de outubro de 1517, fixa 95 teses que propõem um debate sobre práticas e éticas que estariam longe da verdade. Não de uma verdade subjetiva, definida de acordo com os propósitos e objetivos de cada um, mas da verdade que molda e define nossas vidas.

 

“E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará” (João 8.32). Esta é a verdade que liberta. É Jesus, o salvador que proclama a salvação pela fé e pela graça de Deus. Aí está o núcleo da Reforma Luterana. A Palavra de Deus. Ela é a verdade. Ela é a autoridade sobre nossas vidas. Ela é a fonte de ensinamento cristão. É nela que conhecemos um Deus que salva por graça e fé em Cristo.

 

Então, o que é ser um cristão luterano? O núcleo desta resposta é o mesmo núcleo da Reforma Luterana: o reconhecimento de que a Palavra de Deus é a verdade. E, por consequência, crer no que ela fala ao coração. Crer que o universo é criação de Deus. Crer que Jesus morreu e ressuscitou para perdão e salvação. Crer que o Espírito Santo é Deus que transforma vidas. Ser cristão luterano é erguer a bandeira da Bíblia como verdade viva de Deus, principalmente em uma sociedade repleta de verdades subjetivas.

 

Então fica a dica: ser cristão luterano é crer na Palavra e colocá-la como autoridade máxima sobre nossas vidas! É nela que conhecemos um Deus que ama o pecador, o perdoa e o transforma. É tempo de celebrar os 499 anos da Reforma Luterana e exaltar a Palavra de nosso Deus. Como o próprio Martinho Lutero disse: “Qualquer ensinamento que não se enquadre nas Escrituras deve ser rejeitado, mesmo que faça chover milagres todos os dias”. Não perca tempo. Deixe este Deus maravilhoso falar ao seu coração. Leia a Bíblia. Creia nela como a verdade que liberta.






  • ACI LATERAL SECUNDARIAS