Publicidade

topo 6topo 5topo 3


Sinal analógico de Ijuí será desligado até 31 de dezembro de 2023

Postado em 29/01/2018

Nos últimos dias têm se intensificado as chamadas nos veículos de comunicação, alertando para o desligamento do sinal analógico de televisão no dia 31 deste mês. Mas a transição está sendo feita aos poucos. Em Ijuí, por exemplo, a troca de sinal acontecerá até 31 de dezembro de 2023. Quais informações e esclarecimento de dúvidas podem ser obtidas pelo fone 147 ou no site da Seja Digital (www.sejadigital.com.br) que é a entidade administrativa da digitalização de canais de TV e RTV, criada por determinação da Anatel, como missão de garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal.

O processo de migração do sinal analógico para o digital teve início em abril de 2015 e, de acordo com cronograma definido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1300 municípios terão o sinal analógico desligado até 2018. Assim, para se completar o processo nos 5.570 municípios brasileiros levará um bom tempo.

A Seja Digital tem como parte de suas atribuições distribuir kits gratuitos com antena e conversor para a população de baixa renda cadastrada em Programas Sociais do Governo Federal (Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Tarifa Social de Energia Elétrica e muitos outros). A lista de beneficiários é fornecida pelo Ministério do Desenvolvimento Social para que a Seja Digital informe ao público por meio de cartas e campanhas de comunicação para possam entrar em contato e agendar a retirada dos equipamentos.

Assim, de acordo com a secretária Municipal de Desenvolvimento Social, Romi Rohde, a distribuição de kits não passa pelo Poder Público Municipal. “As pessoas não precisam procurar a Secretaria.  Para saber se está na lista fornecida pelo Ministérios do Desenvolvimento Social ou se o agendamento já está liberado em sua região, o beneficiário deve acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar gratuitamente para 147 com o CPF ou NIS (Número de Identificação Social) fornecido pelo Ministério do Desenvolvimento Social em mãos”, orienta.